Morning Call 13/12

As ações asiáticas encerraram a sessão sem direção única, enquanto os futuros em Wall Street operam com leves ganhos, à medida que os investidores aguardam pelos dados da inflação ao consumidor (CPI) nos EUA, que podem moldar as perspectivas de aumento das taxas de juros no próximo ano.

Os rendimentos dos treasuries caíram um pouco depois dos ganhos da véspera, que levaram a taxa de 10 anos acima dos 3,6%.

Os investidores estarão acompanhando de perto os números dos preços ao consumidor nesta terça-feira, que devem permanecer elevados mesmo com a expectativa de desaceleração do indicador. Uma impressão moderada do CPI, justificaria a projeção de meio ponto do Federal Reserve na quarta-feira e pode fornecer mais pistas se os mercados podem esperar cortes nas taxas no final de 2023.

Outros bancos centrais também devem anunciar suas decisões finais sobre as taxas do ano nesta semana. O Banco Central Europeu anunciará sua decisão na quinta-feira, e também pode optar por uma alta de meio ponto. Os mercados também enfrentarão as decisões do Banco da Inglaterra e das autoridades monetárias do México, Noruega, Filipinas, Suíça e Taiwan.

Ainda assim, a BlackRock Investment Institute acha que os mercados estão “errados” ao esperar que os bancos centrais venham em socorro com cortes nas taxas à luz de uma eventual recessão:

“A recuperação das ações dos EUA e a inversão da curva de rendimento mostram que os mercados estão se apegando ao velho manual de recessão dos bancos centrais”, escreveu uma equipe de analistas da BlackRock em nota. “Achamos que as ações podem cair novamente se os mercados pararem de esperar uma flexibilização das políticas. A lacuna entre as expectativas do mercado e as intenções do Fed começará a diminuir com o tempo, em nossa opinião.”

Por aqui, os temores de uma versão tupiniquim do episódio “Capitólio” se confirmaram: na noite desta segunda-feira, 12, o Comando de Operações Táticas da Polícia Federal e a Tropa de Choque da Polícia Militar do Distrito Federal precisaram cercar o hotel onde está hospedado o presidente eleito Luiz Inácio Lula da Silva, após criminosos darem início a uma série de ações violentas na capital federal.

Mais cedo, Lula e o vice-presidente eleito, Geraldo Alckmin, haviam sido diplomados pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

O estopim para os atos criminosos foi a prisão temporária, do indígena José Acácio Serere Xavante, autoproclamado cacique (embora não seja). A ordem foi decretada pelo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes a pedido da Procuradoria-Geral da República (PGR) por indícios de crimes e manifestações antidemocráticas em vários pontos da capital federal.

De acordo com testemunhas, a confusão começou após a Polícia Federal prender Serere Xavante. Indignados, bolsonaristas começaram a incendiar veículos na região central de Brasília, além de tentar invadir a sede da corporação no Setor Hoteleiro Norte.

Pelo menos dois ônibus e vários carros foram incendiados pelos criminosos. Clientes e funcionários de estabelecimentos comerciais ficaram sitiados, enquanto a polícia dispersava os apoiadores do líder indígena com bomba de efeito moral e spray pimenta.

Em um dos pontos, bolsonaristas colocaram botijões de gás próximos a um carro em chamas.

Em nota, a Secretaria de Segurança Pública do Distrito Federal afirmou que “as forças de segurança reforçaram a atuação, em toda área central da capital, para controle de distúrbios civis, do trânsito e de eventuais incêndios”.

“Como medida preventiva, o trânsito de veículos na Esplanada dos Ministérios, na Praça dos Três Poderes e outras vias da região central está restrito até nova mudança de cenário, após avaliação de equipe técnica”, afirmou a pasta.

Artigos relacionados

plugins premium WordPress