Negociando opções de Soja como seguro para proteção do preço

Vimos ao longo dos artigos como funciona a negociação de grãos na Bolsa. Ajuste diário, margem de garantia, como negociar soja na Bolsa. Agora veremos como funciona o mercado de opções de Soja na ótica da proteção como se fosse um seguro contra oscilação de preço.

O que são opções

No mercado de opções negocia-se o direito de comprar ou de vender um ativo por um preço fixo em uma data futura. Quem adquirir o direito deve pagar um prêmio ao vendedor. Este prêmio não é o preço do bem, mas apenas um valor pago para ter a opção (possibilidade) de comprar ou vender o referido ativo em uma data futura por um preço acordado.
O objeto da negociação pode ser um ativo financeiro ou uma mercadoria negociada em pregão com ampla transparência.
O comprador da opção é chamado de titular e, sempre terá o direito do exercício, mas não a obrigação de exercê-lo.
O vendedor da opção á chamado de lançador, terá a obrigação de atender ao exercício caso o titular opte por exercer seu direito.

Mercado de opções em grãos

Colocando em pratica no mercado de Soja, vamos simular que um produtor de soja que ainda não colheu sua safra estimada em 4500 sacas, teme que quando for vendê-la no mercado, dentro de 60 dias, os preços caiam muito e seja proteger-se desse risco.
Para assegurar um preço de venda capaz de garantir seus custos e uma margem de lucro, decide comprar opções de venda de Soja ao preço de exercício de 25 dólares por saca, negociadas em bolsa para um vencimento em 60 dias, ao prêmio de US$2 dólares por saca (4500 sacas ao prêmio de US$ 2 dólares cada).

Vamos analisar os cenários

No vencimento o preço a vista da saca de Soja esta em 16 dólares:

  • O produtor exercerá o seu direto de vender as 4500 sacas de Soja a US$ 25 dólares. Como é uma operação totalmente financeira, a diferença entre US$ 25 dólares e US$ 16 dólares será creditada na conta do produtor, enquanto ele vende normalmente a saca a US$ 16 dólares para a trading, cooperativa, etc.

Resultado da operação: 25 – 16 = US$ 9 dólares – US$ 2 (custo da opção) = Crédito na conta de US$ 7 dólares por saca
No vencimento o preço a vista da saca de Soja esta em US$ 30 dólares:

  • O produtor não exercerá o direito de venda de soja a US$ 25 dólares, perdendo apenas o prêmio de US$ 2 dólares por saca.

Como se trata de uma operação totalmente financeira, a opção se encerra, o produtor vende normalmente as sacas de soja para a trading, cooperativa, etc, apenas como custo o valor do seguro.
Resultado da operação:  US$ 30 dólares – U$S 2 (custo da opção) = US$ 28 dólares
O interessante nesse tipo de operação é o produtor conseguir fixar um preço mínimo considerado aceitável, sem abrir mão da oportunidade de lucrar acima desse mínimo, caso o mercado viesse a evoluir a seu favor. O custo da operação funcionaria apenas como um prêmio de seguro.



A operação contrária também é possível, quando se acredita em uma evolução dos preços da Soja, podemos comprar opções do grão na bolsa. Se não evoluir o preço, a única perda seria o valor investido no seguro. Caso houver evolução da cotação do grão, o produtor receberá um crédito do ganho da oscilação no vencimento.
Lembrando que essa operação é garantida pela Bolsa de Valores e pode ser realizada pelo produtor/investidor a partir de uma corretora.
Quer saber mais sobre opções de soja! Entre em contato agora mesmo: felipe@centraldoinvestidor.com ou 55 3313 1992

LEIA TAMBÉM

→ Como comprar e vender soja na Bolsa

→ “Brasil pode puxar recuperação das commodities”, diz diretor do Banco Mundial

→ Mercado Futuro movimenta até 200 bilhões de dólares por dia

→ Contratos Futuros e seus códigos de negociação

Artigos relacionados